Search
Close this search box.

Publicidade

PF prende piloto de aeronave em operação contra tráfico, em João Pessoa

Mandados de prisão e busca fazem parte das Operações Sordidum e Prime, focadas no tráfico internacional e outros crimes.

Foto: PF/Governo Federal/Divulgação
Compartilhe:

A Polícia Federal na Paraíba cumpriu mandados de prisão e de busca e apreensão, na manhã desta quarta-feira (15), em uma residência no bairro do Bessa, em João Pessoa. O detido é um piloto de aeronaves. A ação fez parte das operações Sordidum e Prime, que são realizadas simultaneamente com o objetivo de combater organizações criminosas envolvidas no tráfico internacional de drogas e armas, evasão de divisas, falsificação de documentos públicos, tortura, entre outros crimes.

As operações se desenrolaram simultaneamente nos estados de Alagoas, Bahia, Goiás, Mato Grosso, Pará, Paraná, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Paraíba e São Paulo, além do Mato Grosso do Sul. A participação da Paraíba foi crucial para o sucesso das operações, evidenciando a importância da cooperação interestadual no combate ao crime organizado.

Continua Depois da Publicidade

O grupo investigado é acusado de enviar drogas para países da América Central, com estimativas de que pelo menos 6 toneladas de cocaína foram transportadas ao longo de aproximadamente três anos de investigações. Para movimentar e ocultar os valores e bens de origem ilícita, a organização utilizava doleiros atuantes na fronteira do Brasil com países vizinhos, além de criar empresas de fachada e usar pessoas interpostas em negócios dissimulados.

No total, foram empenhados 273 policiais federais para o cumprimento de 64 mandados de busca e apreensão, 25 mandados de prisão preventiva, 11 mandados de prisão temporária, além do sequestro de cerca de 90 imóveis identificados e o bloqueio de bens e valores de aproximadamente 80 pessoas e empresas envolvidas.

Compartilhe: